Destra Consultoria

Nossos Serviços

Atuamos com as mais modernas metodologias de trabalho e planejamento, sendo constantemente revisadas e atualizadas, assim alcançando soluções construtivas para os problemas apresentados pelas empresas.

Contabilidade
Voltar para Serviços
Consultoria em Planejamento Sucessório e Governança Corporativa

Como perpetuar sua empresa? 
É necessário pensá-la a partir da distribuição de poder – governança corporativa – e também do planejamento sucessório.
Importante entender o planejamento sucessório corporativo e o planejamento sucessório familiar – que frequentemente se distinguem

 

Causas da não-perpetuação das empresas
•    Desavenças entre os sócios (familiares);
•    Falta de planejamento sucessório;
•    Falta de profissionalização da gestão;
•    Falta de proteção patrimonial;
•    Falta de acordo de cotistas.

 

Como se dá o processo:
Criação de um mecanismo impessoal de alta administração para questões operacionais da empresa – gestão. Deste modo, os familiares receberão um tratamento simultaneamente adequados por serem familiares, porém, com a autonomia necessária da empresa, que terá sua própria governança através de:
•    Um acordo de cotistas
•    Um Código de Práticas administrativas, com valores familiares e empresariais.
•    Uma holding (family office) - em que, inclusive poderão trabalhar os que eventualmente não possam estar nas empresas.
•    Criação de um Conselho de Administração e um Conselho de Família, c/ regras próprias
•    Planejamento sucessório – familiar e empresarial (e seus atos jurídicos)
•    Avaliação das estruturas societárias para eventual cisão, visando a proteção patrimonial e da holding ou holdings.
•    Avaliação das questões tributárias para eventual ajustes
•    Avaliação das questões de gestão de pessoas, para ajustes
•    Avaliação das questões relacionadas à gestão de processos, para ajustes
•    Nível mínimo de coaching para a gerência
•    Repercussão familiar e ajustes
•    Acompanhamento dos desdobramentos nos negócios

 

Pressupostos:
•    Presença física sempre que necessário – mínimo duas vezes/semana
•    Dispor de interlocução permanente e um executivo interno para a operação dos processos e operações
•    Entrevistas individuais com sócios e funcionários

 

Objetivos
•    Estruturar e implantar um modelo de boas práticas de governança corporativa;
•    Elaboração de um Acordo de Acionistas por meio de um processo de construção conjunta que o legitime;
•    Proteção dos negócios, frente aos acionistas controladores através de acordo de acionistas;
•    Estruturação e implantação de um Conselho de Administração com participação de conselheiros independentes;
•    Rever e validar o modelo de gestão;
•    Preparar a empresa para as potenciais alianças e/ou fusões e aquisições.

 

Benefícios esperados
•    Condições para o crescimento e perpetuação da empresa;
•    Sócios, conselheiros e executivos atuando alinhados na busca de objetivos corporativos comuns, e apoiados nas Boas Práticas da Governança Corporativa;
•    Harmonia e perpetuação dos valores dos controladores na condução dos negócios;
•    Conhecimento da dinâmica dos controladores, de forma a se desenvolver o projeto com harmonia, minimização dos desgastes e total adequação aos seus perfis e estilos, preservando um ambiente propício para o desenvolvimento, retenção e comprometimento dos profissionais e atração das novas competências, frente à nova complexidade dos negócios.

 

 

Propriedade

  • Acordo de Acionistas

Exemplos de temas relativos a “Acordo de Acionistas”: compra e venda de ativos / preferência na compra e alienação de ações / exercício do controle societário e direito de voto / distribuição de resultados / sucessão (incluindo a contratação e demissão de familiares) / saída da sociedade / admissão de partes / fusão e aquisição / acesso ao capital / remuneração dos conselheiros e sócios / política de investimentos / códigos de ética, conduta e boas práticas.

  • Conselho de Administração

Além da presença de representantes dos controladores, é recomendável a participação de alguns conselheiros independentes (externos). O Conselho de Administração deve ter metas estabelecidas; tem o papel de definir as diretrizes para o planejamento estratégico da empresa e os rumos relativos ao seu posicionamento futuro.

  • Plano de Sucessão

Um plano de sucessão visa identificar o potencial e desenvolver profissionais que têm visão de futuro para a empresa, e que darão continuidade à sua missão, preservando seus valores. É necessário definir papéis e preparar um grupo de pessoas-chaves. Preparação dos futuros gestores através de trabalho de coaching com os profissionais que poderão vir a assumir posições executivas de liderança no cenário sucessório.

 

Família

  • Conselho de Família

Elo de comunicação com o Conselho de Administração; Interesses, conflitos e expectativas; Ética e conduta, disciplina, harmonia e coesão. Perpetuação dos valores da família; perpetuação da história da família e do negócio; educação (formação) dos herdeiros.

  • Formação de Futuros Acionistas

Preparação das bases para que membros da família sejam capacitados / habilitados para exercer o papel de conselheiros e / ou acionistas. Definição de atribuições individuais como acionista e membro da família. Este modelo auxiliará os familiares a pensar de forma racional, lúcida e objetiva, sobre si mesmos (autoconhecimento), sendo uma fonte de compreensão que visa evitar potenciais conflitos entre as partes, trazendo clareza sobre a posição de cada um e quais seus direitos e deveres hoje e no futuro.

 

Negócio | Gestão

  • Planejamento Estratégico

Análise do ambiente interno e externo, estruturação do perfil estratégico trazendo uma visão atual da empresa, base para a discussão do futuro. Definição da missão e dos princípios corporativos, construção da análise SWOT, objetivos, indicadores e metas, plano de ação macro estratégias, projetos e responsáveis. Planos de Ação detalhados por área; acompanhamento da implantação dos planos por área e do corporativo.

  • Modelo de Gestão

Preservar valores e a missão da empresa. Coincidente com os objetivos dos acionistas. Pode ser gerido por familiares executivos e / ou executivos externos. Cuida da propriedade e interesse dos acionistas.

  •  Avaliação do Management

Avaliar, diagnosticar e desenvolver o talento humano, seu potencial, sua performance e os comportamentos determinantes para os fatores críticos de sucesso no alcance dos objetivos da empresa.

 

Fases:

  • Fase 1: Levantamento, análise e entendimento dos principais objetivos, interesses e expectativas dos sócios.
  • Fase 2: Acordo de Acionistas
  • Fase 3: Conselho de Administração
  • Fase 4: Revisão do Modelo de Gestão
  • Fase 5: Avaliação do management
  • Fase 6: Plano de Sucessão
  • Fase 7: Análise de Cenários Futuros

 

A Destra Consultoria Goiânia possui foco equilibrado no empresário e no mercado altamente mutável e exigente.

Entre em contato: 62 3954-6888.

Como podemos ajudar?